Geral

Corpo de jovem caxiense morto na China é sepultado em Canoas

Ranieri Moriggi
Escrito por Ranieri Moriggi

O corpo do estudante caxiense Leonardo Cláudio da Rosa de 23 anos, morto na China no dia 14 de julho, foi sepultado no domingo, 11, no Cemitério Parque São Vicente, em Canoas. Rosa foi encontrado morto na cidade de Chongqing. De acordo com a família do jovem, houve demora no exame de necropsia, o que atrasou a liberação do corpo. Para trazê-lo de volta ao Brasil, a família de Leonardo chegou a pedir ajuda para arrecadar recursos.

O jovem estava participando de um intercâmbio no país asiático, através de uma bolsa de estudos. Ele cursava Língua e Literatura Chinesa na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Ainda não se sabe os motivos para a morte do jovem. Amigos acreditam que o Rosa tenha sido vítima de homofobia no país asiático.

Relembre o caso

Jovem caxiense é encontrado morto na China

Foto: Arquivo Pessoal

Sobre o autor

Ranieri Moriggi

Ranieri Moriggi

geral3@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário