Caderno S

Jéssica Bosi

Caroline Pandolfo
Escrito por Caroline Pandolfo

Antes de se apaixonar pela área da beleza, Jéssica Bosi imaginava
seu futuro como designer de móveis, porém, o mundo dos salões a
encantou, se sentiu tão confortável nesse meio que permanece até hoje e
não pretende mudar. Ela é micropigmentadora, maquiadora, instrutora
de maquiagem e sobrancelhas, além de fazer atendimentos a domicílio,
em alguns salões da cidade e em uma escola profissionalizante.
Jéssica, aos 15 anos, começou a ajudar a mãe de uma amiga que
era proprietária em um pequeno salão de bairro, aprendeu muito e foi
então que começou a se profissionalizar na área. “Acabei aprendendo
a fazer unhas, maquiagem, sobrancelhas, cabelos. Hoje trabalho
apenas com design de sobrancelhas, micropigmentação, maquiagem
e ministro cursos vips ou em grupos, um nicho de mercado que vem
crescendo muito, por isso temos que estar sempre antenadas para buscar
conhecimento e dar o nosso melhor”, afirma.
Ela considera um ponto alto em sua carreira, o momento em que
decidiu trabalhar sozinha, independente de apenas um local, pois assim
conquistou grandes parcerias e pode oferecer seu trabalho em diversos
locais. Outro ponto importante é a satisfação das suas clientes, além do
fato de poder compartilhar aquilo que aprendeu. “Sou apaixonada por
tudo o que faço, porém, o ensino e a micropigmentação possuem um
lugar especial no meu coração”, revela.
Jéssica busca em sua carreira profissional reconhecimento, segundo
ela nada é tão gratificante quanto ser conhecido por prestar um
serviço com excelência. “Amar o que a gente faz é o primeiro passo
para a realização profissional”, enfatiza.
Na vida pessoal, tem como exemplo sua mãe. “Admiro demais
ela, uma mulher incrível, extraordinária e que se basta, isso eu acho
sensacional, pensando em que ela não era dessa maneira há alguns anos
e acabou se tornando uma mulher que não se abala por nada e que pensa
para a frente. Trabalho para ela é uma diversão e não uma obrigação.
Tirei a minha força, minha inspiração e vontade de trabalhar dela com
certeza”. E complementa. “Significado de família é união, seja por laços
sanguíneos ou não de pessoas que se amam e que prezam pelo bem-estar
do outro. Somos apenas eu, minha mãe, minha irmã, meu namorado e a
família dele que para mim, é como se fosse minha”, finaliza.

Foto: André Pellizzari

Sobre o autor

Caroline Pandolfo

Caroline Pandolfo

Um mundo de descobertas. Assim considero minha trajetória como colunista do Jornal Semanário, a qual tenho muito orgulho! Aqui compartilho um novo espaço do Caderno S, a Coluna Detalhes, onde destaco experiências únicas, pessoas especiais, trabalhos que fazem a diferença e muito mais.
social@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário