Economia

Gasolina no RS é 15 centavos mais cara que a média nacional

Ranieri Moriggi
Escrito por Ranieri Moriggi

O valor médio da gasolina vendida nos postos brasileiros subiu em 13 estados brasileiros – incluindo o Rio Grande do Sul – na semana passada, segundo dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), compilados pelo AE-Taxas. Em 12 estados e no Distrito Federal houve recuo nos preços médios do combustível de petróleo e no Amazonas houve estabilidade.

Na média nacional, os preços nos postos subiram 0,10%, de R$ 4,194 para R$ 4,198 o litro entre a semana passada e a anterior. A maioria dos gaúchos paga um preço mais caro que a média nacional. No Rio Grande do Sul, a semana terminou com o litro da gasolina sendo vendido, em média, a R$ 4,359 – no início do ano, esse preço era de R$ 4,33. De acordo com a ANP, nas quatro últimas semanas, sempre houve aumento. No período, o preço avançou 0,6%.

Das 36 cidades gaúchas pesquisadas, apenas três têm preços inferiores ao da média nacional: Novo Hamburgo (R$ 4,089), São Leopoldo (R$ 4,13) e Sapiranga (R$ 4,177). Bento Gonçalves teve o preço médio do litro da gasolina em R$ 4,35 entre 21 e 27 de janeiro.

Sobre o autor

Ranieri Moriggi

Ranieri Moriggi

geral3@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário