O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 5 de junho. No Brasil, em 1981, o governo também estabeleceu que neste período fosse promovida a Semana Nacional do Meio Ambiente, com a finalidade de apoiar a participação da comunidade nacional na preservação do patrimônio. Algumas empresas em Bento Gonçalves, como a Todeschini e a Aurora, investem em Gestão Ambiental, que são projetos de políticas, programas e práticas administrativas e operacionais que levam em conta a saúde e a segurança das pessoas e a proteção do meio ambiente.

A Todeschini, muito mais do que uma empresa especializada no desenvolvimento de móveis planejados, é uma marca que valoriza suas tradições e valores. Prova disso, é a responsabilidade que a marca possui com relação a todas as suas ações que possam ter ligação com a preservação do planeta, através de uma inteligente gestão ambiental.

Em setembro de 2001 a empresa instituiu o Programa Integrado de Gestão da Qualidade e Ambiental – Proiso, para obter as Certificações ISO 9001 e 14001, sendo esta última uma norma de gestão ambiental que possibilita desenvolver e implementar política e objetivos que levam em conta a Regulamentação Legal e as informações referentes aos impactos ambientais resultantes dos seus processos e produtos, com a intenção de diminuí-los ou eliminá-los. Após oito meses de trabalho, foi certificada.

Outra empresa é a Vinícola Aurora. Ela conta com três unidades que processam cerca de 60 milhões de kg de uvas por ano (50 milhões de litros de vinhos, sucos e derivados) e conta com mais de mil famílias associadas. Os cooperados possuem a orientação direta dos técnicos da Cooperativa, responsáveis pelo acompanhamento de todas as etapas do vinhedo, desde a preparação, plantio, manejo e colheita.

De acordo com Cassandra Marcon Giacomazzi, Supervisora de Sistema Integrado de Gestão, há a participação da Cooperativa em ações de gestão ambiental na cidade e comunidades. “Existe o envolvimento do quadro social na separação e coleta das embalagens de agroquímicos, por meio de trabalhos de orientação para o manuseio e separação adequados, bem como a devolução de acordo com cronograma previamente estabelecido”, comenta.

Leia mais na edição impressa do Jornal Semanário deste sábado, 4 de junho.