Representantes de cerca de 40 entidades estiveram reunidos nesta semana para dar início ao projeto de comemoração dos 50 anos de realização da 1ª Festa Nacional do Vinho (Fenavinho), realizada em 1967. No encontro, foi apresentado o selo comemorativo, que deverá ser inserido em todos os materiais produzidos pelos eventos que apoiarem a celebração.

O encontro foi aberto com a apresentação de um vídeo-documentário da 1ª Festa Nacional do Vinho. Na sequência, o prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin, deu as boas-vindas a todos e falou sobre a importância da Fenavinho para a vida da comunidade e para o desenvolvimento do município. “A Fenavinho foi um divisor de águas, pois Bento Gonçalves era um município antes de Festa e passou a ser outro depois. Foi um marco, foi a mola-propulsora de nossa cidade em termos de visibilidade nacional e internacional. Foi a Fenavinho que deu a Bento Gonçalves o título de Capital Brasileira do Vinho, e neste ano, ano em que nossa maior festa comemora o cinquentenário de realização da primeira edição, não há nada mais junto e necessário do que prestarmos grandiosas homenagens”, frisou o chefe do Executivo Municipal.

Conforme o secretário Municipal de Turismo, Gilberto Durante, a Administração Municipal já está com quatro ações programadas e que terão seu enfoque nas Bodas de Ouro da Festa: Desfile na Semana da Pátria, cujo tema municipal será “50 anos da Fenavinho”, Desfile Temático de Aniversário de Bento Gonçalves, Exposição Fotográfica Fenavinho 50 Anos e Reinauguração da Casa do Vinho. A meta, segundo Durante, é captar entre todas as entidades pelo menos 50 eventos e fechar uma extensa programação para este ano.

Na mesma oportunidade, o diretor da ExpoBento 2017, Roger Bellé, falou sobre as atividades que serão realizadas pelo Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC) e pela ExpoBento 2017, visando valorizar e comemorar os 50 anos de realização da maior festa de Bento Gonçalves. “Na ExpoBento, que será realizada de 8 a 18 de junho, teremos o Salão Fenavinho 50 anos, de 15 a 18 de junho, um espaço especialmente desenvolvido para celebrar as Bodas de Ouro do evento, que ocupará o Pavilhão F”, disse Bellé.

O projeto propõe o resgate histórico da Fenavinho, referenciando a representatividade da Festa através de uma série de atrações, como shows, mini-cinema, exposição fotográfica, exposição dos vestidos das Soberanas, espaço para jogos típicos, pontos de culinária típica italiana, entre outros atrativos. Complementando, Bellé informou ainda que a edição de 2017 da Sparkling Night Run, que será realizada dia 11 de novembro, terá como enfoque os 50 anos da Fenavinho.

Todas as participantes do encontro terão até o dia 6 de março para enviar à Secretaria de Turismo ([email protected]) sugestões de eventos que poderão realizar englobando o tema “Fenavinho 50 anos”.

Ainda durante o encontro, o representante da Associação Brasileira de Enologia, Dario Crespi, afirmou que incluirá o tema na XXV Avaliação Nacional de Vinhos, que será realizada no dia 23 de setembro. Já no decorrer da semana, outras duas entidades sinalizaram que estarão apoiando, sendo que o Clube Esportivo estampará o selo Fenavinho 50 anos no terno oficial e a Associação de Turismo de Faria Lemos, sinalizou que homenageará a festa durante a Sagra Trevisana Di Faria Lemos, promovida pela entidade.

Leia mais na edição impressa do Jornal Semanário.