Mãe de Iago e Iasmin, Camila Gava, luta há quase nove meses contra um câncer raro na face. Moradora do distrito de Tamandaré, Camila, de apenas 35 anos, enfrentou uma batalha para salvar a sua vida e da filha, que nesta semana completou um mês. O tumor na Glândula Parótida fez com ela precisasse fazer uma cesárea de emergência para conseguir, após quinze dias, submeter-se a cirurgia de retirada do carcinoma.

O marido Arielson Gava lembra das noites em que passaram acordados devido às fortes dores que a eposa sentia. “Ela realizou exames em maio que constataram tumores de 6,1 x 5,8 x 4,1 cm após 32 dias do diagnostico. O médico se surpreendeu pois o câncer havia crescido muito em um mês e, por conta disso, ela não conseguia mais comer e tomava três vezes ao dia injeções de morfina”, recorda.

Para que conseguissem salvar Camila e a pequena Iasmin, a família decidiu fazer, em Porto Alegre, a cirurgia para retirada do tumor. “Não tínhamos como esperar, precisamos tomar a decisão logo e levamos ela para a Capital. Conseguimos um dinheiro emprestado e agora precisamos devolvê-lo”, comenta Gava.

Para ajudar nos gastos, os familiares estão programando um bingo que ainda não tem data para acontecer, mas que, segundo Gava, ocorrerá entre julho e agosto. “Queremos que as pessoas façam doações espontâneas de brindes para que possamos sortear no dia da brincadeira que vai ajudar muito a Camila”, salienta o esposo.

WhatsApp para contato: (54) 99164-4799