Geral

Taxista preso no sábado poderá ter concessão cassada

Da Redação
Escrito por Da Redação

A Secretaria de Gestão Integrada e Mobilidade Urbana determinou a cassação da permissão para conduzir do taxista preso na noite deste sábado, 7 de julho, entregando munições e armas, no bairro Juventude. O permissionário poderá perder a concessão do táxi. Desde que iniciou um pente-fino no cadastro desses profissionais, a Secretaria constatou que 16% apresentam problemas no cadastro e já foram notificados.

Conforme a Lei 5821/2014 a permissão para dirigir somente “será emitida ou renovada em favor dos taxistas que apresentarem certidões negativas de registro e distribuição, emitidas pelas Justiças Estadual e Federal, para os crimes contra a vida, contra a fé pública, contra a administração, contra a dignidade sexual, hediondos, de roubo, furto, estelionato, receptação, de quadrilha ou bando, sequestro, extorsão, de trânsito ou aqueles previstos na legislação alusiva à repressão à produção não autorizada ou ao tráfico ilícito de drogas, consumados ou tentados”.

Para o secretário Amarildo Lucatteli o procedimento é necessário para proteger o cidadão. “Precisamos tomar estas atitudes e suspender motoristas que não estão de acordo com as normas, ou que possam de alguma forma trazer insegurança para nossa população. Este foi um caso isolado e não pode ser prejudicial para a classe, que com responsabilidade realiza seu serviço”, disse. O veículo apreendido pela polícia foi encaminhado para depósito do DETRAN.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social Prefeitura

Sobre o autor

Da Redação

Da Redação

redacao@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário