Segurança

Segurança: Schirmer garante esforços contra a criminalidade em Bento

Ranieri Moriggi
Escrito por Ranieri Moriggi

Secretário estadual falou das ações para reduzir homicídios em Bento Gonçalves; em 2018, 42 pessoas foram assassinadas

Após participar da solenidade de abertura do 3º Fórum Técnico de Polícias Rodoviárias do Brasil em Bento Gonçalves, o secretário estadual de Segurança Pública (SSP), Cézar Schirmer falou sobre o envio da Força Gaúcha de Segurança, aumento do efetivo policial e o andamento das obras do novo presídio estadual da cidade. Ele garantiu esforço máximo para a diminuição no número de homicídios que neste ano já chega a 42.

Conforme o secretário, os dados apresentados pela SSP na terça-feira, 16, apontam que no Rio Grande do Sul houve redução no número de crimes contra a vida. Entre janeiro e setembro deste ano, em comparação com o mesmo período de 2017, foram houve queda de 22,9% nos homicídios e 30,7% nos latrocínios. A diminuição é superior ao número de agosto, que registrou diminuição de 22,1% nos homicídios e 25% nos latrocínios.

No entanto, em Bento Gonçalves os números mostram outra realidade, considerada por Schirmer como anormais, mediante o trabalho realizado pelas polícias em todo o estado. “A situação em Bento está fora da curva, porque em todo o Rio Grande do Sul estamos reduzindo homicídios de forma significativa. Caxias do Sul, fazem 35 dias que não há registros. Mais de 25% de redução de homicídios no estado e, infelizmente, Bento aumentou”. Ele garantiu reforço no policiamento com o envio de mais seis policiais, dois integrantes da Força Gaúcha e um contingente do Batalhão de Operações Especiais (BOE), a fim de enfrentar essa guerra.

Segundo Schirmer, a SSP identificou que em Bento Gonçalves, a principal causa das mortes está voltada a uma disputa de território entre facções criminosas. “Diferentemente da concorrência lícita, onde um quer ganhar mais que o outro, mas há uma regra ética de disputa, no mundo do crime, a concorrência se dá pela eliminação física do concorrente. E, infelizmente, no meio disso sempre sobra para alguém que não tem nada a ver com o mundo do crime como ocorreu aqui na cidade com um empresário”, explica.

O secretário garantiu esforço redobrado para que a cidade volte a ter sensação de segurança. “Vamos enfrentar o crime com força, vigor, determinação, energia e com vontade. Estamos preocupados com a realidade desse município, mas atentos enfrentando o crime”, garante.

Visita ao presídio

Durante a passagem pela Capital Do Vinho, o secretário visitou as obras de construção do novo presídio estadual de Bento na Linha Palmeiro, que deve oferecer após a sua conclusão, 420 vagas. No local estão sendo edificadas celas que deverão comportar oito apenados cada, além de locais para condenados e portadores de necessidades especiais, duas galerias, refeitório, ambulatório com odontologia, oficina de trabalho, sala psicossocial, lavanderia, setor administrativo e apartamento para visita íntima.

Orçado em aproximadamente R$ 30 milhões, pagos através de permuta de imóveis do Governo do Estado, tais como o prédio da superintendência do Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer), a obra deve ser finalizada até o final de janeiro de 2019.

 

Sobre o autor

Ranieri Moriggi

Ranieri Moriggi

geral3@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário