Empresas

Prestes a inaugurar loja em Bento, Criare lança nova coleção

A coleção “Essencial” busca aproximar-se da natureza e já anuncia a abertura da nova loja da marca, que será inaugurada até o final do ano, na cidade

Uma fábrica moderna, que oferece produtos e serviços de acordo com a personalidade e o desejo do cliente. Esse é o princípio norteador da Criare Móveis Planejados, que há 16 anos se mantém uma das líderes no mercado moveleiro da América Latina. Sendo integrante do grupo Todeschini, a marca apresentou novidades, na última terça feira, 30, na sede da empresa. Trata-se da Coleção Essencial, que vem a ser o carro chefe de outro grande projeto, a abertura de uma nova loja em Bento Gonçalves.

Atualmente, a Criare possui mais de 60 lojas exclusivas espalhadas por todo Brasil. Capitais como Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Florianópolis, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio Branco, Rio de Janeiro, São Paulo e Teresina são parte das cidades contempladas pela empresa. E essa participação no mercado nacional promete aumentar ainda mais, pois, até o final do ano, a Criare pretende abrir 30 novas lojas. E Bento Gonçalves não vai ficar de fora dessa rota.

O diretor da Criare, Rogério Francio, fala a respeito de sua expectativa com relação à inauguração da nova loja. “É um momento muito gracioso que a Criare está vivendo, porque algumas coisas estão acontecendo simultaneamente. Estamos fazendo o reposicionamento da marca no mercado. Uma marca jovem, um conceito bem contemporâneo, que está trazendo algo com bastante glamour, mas também com a visão do “menos é mais”, importante, hoje, no conceito dos formadores de opinião, dos arquitetos e decoradores. A loja da Criare, aqui em Bento Gonçalves, será inaugurada pelos próximos sessenta dias. Vamos estar muito felizes porque será inaugurada uma loja conceito em todo Brasil”, revela.

Confiança e dedicação
O empresário Daniel Amadio, que também responde pela presidência do Sindilojas-BG, foi procurado pela marca para assumir o comando desse projeto da Criare, que ainda está em fase de construção. “Me interessei porque é um mercado que ainda tem muito a crescer, e com isso estamos apostando na marca, atingindo um público alvo que já está definido. Estamos dando algumas nuances do que vai ser o projeto, alguns contatos, utilizando a minha experiência e a minha rede de relacionamentos, buscando atender esse público, esses profissionais que precisam de projetos, precisam atender seus consumidores. E nós viemos então com um produto de boa qualidade aos seus anseios”, considera Amadio.

O presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas) sente-se honrado com o convite. Um depósito de confiança que também representa um grande desafio. De acordo com Amadio, após o período da crise que assolou o país, na qual a empresa teve de reestruturar alguns setores e resolver percalços em todos os sistemas e marcas, a Criare procura alguém que possa lhe passar certa confiança para atender o seu consumidor. “Recebi com muita alegria. Claro, é um desafio. Depois de ficar trinta anos trabalhando com eletrodomésticos, móveis planejados é um mundo novo que eu tenho que descobrir”, comenta.

Para o empresário, oportunidades, quando surgem, ou você aproveita ou deixa passar. Em função disso, deixará sua própria empresa, a Maquilagás, aos cuidados dos irmãos, para dedicar-se ao máximo nessa nova empreitada. A partir de agora, uma agenda um tanto corrida, afinal, Amadio também ocupa o cargo de vice-diretor do Federação do Comércio de Bens e de Serviços do Estado do Rio Grande do Sul (Fecomércio-RS), em gestão que vai até 2022.
A idealização do projeto está sendo feita por Amadio, com ajuda e colaboração dos profissionais da fábrica, na área de marketing, área de treinamento, e de consultoria. O diretor afirma ter um grupo de trabalho muito bom, com os quais já pretende montar uma equipe. “Precisamos que até a inauguração da loja tenhamos já os negócios acontecendo. O próprio evento de terça já trouxe algumas perspectivas, abriu alguns horizontes. Então, esse tipo de iniciativa, como teve com os profissionais, a minha ideia é que ela seja mais frequente, justamente buscando essa aproximação com quem pode trazer serviço, quem pode entender a diferença entre a qualidade dos produtos”, complementa.

Sobre o autor

Isabelle Domingues dos Santos

Isabelle Domingues dos Santos

Deixe um comentário