Política

Partidos políticos devem R$ 13 milhões ao INSS

Ranieri Moriggi
Escrito por Ranieri Moriggi

Um projeto apresentado na terça-feira, 21, no Senado obriga partidos políticos a quitarem dívidas com a Fazenda Nacional ou INSS para receberem recursos dos fundos eleitoral e partidário. O texto da proposta é do senador Lasier Martins (PSD-RS).

De acordo com o INSS, as legendas devem R$ 13 milhões. O partido que lidera a lista de devedores é o PT, com uma dívida de R$ 8,1 milhões.

Com o valor sonegado, apontam, daria para pagar duas vezes o rombo esperado para 2018, de R$ 192,8 bilhões. O valor se refere apenas às dívidas ativas, atualmente em cobrança — ou seja, não entram na lista as que foram negociadas, parceladas ou estejam em discussão judicial. No universo de devedores da Previdência, não existe ideologia política nem regionalismo. Tanto partidos inclinados à direita quanto à esquerda, de 130 diretórios espalhados pelo Brasil, têm pendências, que, em alguns casos, chegam a valores milionários.

Crítico incansável da reforma da Previdência, o PT fica em primeiro lugar por conta das 27 dívidas contraídas pelo diretório do Rio Grande do Sul, que somam R$ 7,13 milhões.

Sobre o autor

Ranieri Moriggi

Ranieri Moriggi

geral3@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário