Bairros

Operação Balada Segura aborda 950 veículos no primeiro semestre de 2018

Ranieri Moriggi
Escrito por Ranieri Moriggi

O primeiro semestre de 2018 registrou cerca de 950 abordagens em veículos durante as operações Balada Segura realizadas em diversos pontos de Bento Gonçalves. Os dados foram divulgados nesta terça-feira, 3 de julho, pela Secretaria de Gestão Integrada e Mobilidade Urbana (Segimu). De acordo com a pasta, cerca de 278 motoristas foram autuados nos primeiros seis meses do ano por infringirem o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Ainda, segundo a Segimu, foram realizados 850 testes de etilômetro, com 99 recusas a se submeter ao teste. Além disso, 48 condutores foram flagrados dirigindo sob influência de álcool, sendo que destes, dez foram encaminhados à delegacia, após ser constatado ingestão de mais 0,34 mg de álcool por litro de ar alveolar, índice considerado crime de trânsito.

Os dados mostram ainda que das 278 infrações, as irregularidades mais registradas foram veículos com licenciamento vencido (35) , condutor sem habilitação (28), condutor sem a Carteira de Habilitação (18) e  habilitação cassada ou suspensa (15). Foram 147 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) apreendidas e 40 veículos recolhidos.

Iniciada como projeto piloto em Porto Alegre em 2011, a Operação Balada Segura já está presente em 34 municípios, e consiste em uma mobilização em defesa da vida, atuando através de blitzes de fiscalização com foco na embriaguez ao volante. Bento Gonçalves aderiu às ações em 2014, e até o momento, estima-se que mais de 10 mil veículos tenham sido fiscalizados. Somente em 2017, foram abordados aproximadamente 2,5 mil veículos e registradas 700 autuações. A Balada Segura é uma ação conjunta do Departamento Municipal de Trânsito (DMT), Brigada Militar, Polícia Civil e DETRAN, e tem entre suas metas promover uma maior segurança no trânsito e preservar vidas.

Foto: Divulgação/Balada Segura/Douglas Mafra

 

Sobre o autor

Ranieri Moriggi

Ranieri Moriggi

geral3@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário