Assunta De Paris

O voo da renovação

Assunta De Paris
Escrito por Assunta De Paris

A águia é a ave que possui a maior longevidade da espécie. Ela chega a viver 70 anos. E para chegar a essa idade tem que tomar uma decisão.

Aos 40 anos, suas unhas compridas e flexíveis não conseguem mais agarrar as presas, das quais se alimenta. Seu bico alongado e pontiagudo, se curva. Suas asas envelhecidas e pesadas, em função da grossura das penas apontam contra o peito e voar torna-se muito difícil!

Então a águia só tem duas alternativas: deixar-se morrer… ou enfrentar um doloroso processo de renovação que irá durar 150 dias.

Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e lá recolher-se em um ninho.

Ali águia começa a bater o bico violentamente o bico contra a pedra até conseguir arrancá-lo. Após arrancá-lo espera nascer um novo bico, com o qual irá arrancar as suas próprias unhas.

Quando nascem suas unhas novas ela passa a arrancar as velhas penas.

E só apenas cinco meses sai para o famoso voo de renovação, para viver então… por mais 30 anos.

E a nossa renovação?

Muitas vezes temos que nos resguardar, por algum tempo, e começar o processo de renovação.

Para continuar a voar um voo de vitórias devemos as vezes nos desprender de lembranças negativas, costumes que não nos fazem bem ao nosso viver e outras tradições de apegos ao passado.

Somente quando livres do peso do passado e vinganças de perseguições podemos aproveitar o resultado valioso que sempre traz uma…

renovação.

OBS. QUE A EXEMPLO DA ÁGUIA POSSAMOS COMPREENDER MELHOR OS VALORES DA VIDA.

“QUEM DIRIA… O GRANDE ESFORÇO DE RENOVAÇÃO DOS NOSSOS IMIGRANTES, COM 4O DIAS EM ALTO MAR… PARA CHEGAR NUM LUGAR DESERTO…”

Sobre o autor

Assunta De Paris

Assunta De Paris

Historiadora e colunista do Jornal Semanário há 30 anos.
redacao@jornalsemanario.com.br
www.jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário