Segurança

Novas tornozeleiras eletrônicas começam a ser instaladas no RS

Da Redação
Escrito por Da Redação

Nesta sexta-feira, 31, na sede da 8ª Delegacia Penitenciária Regional, em Santa Cruz do Sul, o Secretário da Administração Penitenciária (Seapen), César Faccioli, acompanhou o início das instalações das novas tornozeleiras eletrônicas no Estado.

A criação do Instituto Penal de Monitoramento na região acontece a partir de um contrato do Governo do Estado com a empresa suíça Geosat que envolve o valor de 40 milhões de reais. Segundo Faccioli, essa criação “é muito importante para o regime semiaberto, para a roda girar na criação de vagas, inclusive no regime fechado”. Segundo ele, o equipamento significa um avanço no monitoramento e na qualidade do controle de apenados, o que vai propiciar, além do desafogo gradual no sistema penitenciário, um reforço geral na segurança pública. “Essa é uma ação que agiliza o processo, que, além disso, passa por reformas e ampliações e construção de novos presídios, para a criação de novas vagas, o que está acontecendo”, afirmou.

Inicialmente, estão sendo instaladas 348 novas tornozeleiras na região de Santa Cruz, dentro de um universo total para o Estado de 10 mil, que, ao custo de R$ 66 por preso/mês, contribuirão para uma das prioridades da Seapen e do Judiciário, que é o desafogo das prisões em delegacias e viaturas.

Sobre o autor

Da Redação

Da Redação

redacao@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário