Esportes

Farrapos Rugby inicia ano como líder do ranking nacional

Lucas Delgado
Escrito por Lucas Delgado

Equipe se coloca no topo após temporadas de vice-liderança no Brasileiro; no Top-7, é o único não-campeão da elite do país


No início desta semana, a Confederação Brasileira de Rugby divulgou a formatação atualizada do ranking do rugby nacional que abre a temporada 2019. Após mais um ano quase perfeito, o Farrapos Rugby Clube chega de forma inédita ao primeiro lugar, desbancando tradicionais equipes que já venceram, por exemplo, o Campeonato Brasileiro, título ainda não conquistado pelos gaúchos.

O novo ranqueamento que também serve de base para a sustentação do regulamento do próximo Super 16, o Campeonato Brasileiro, tem os bento-gonçalvenses com a melhor pontuação nacional. O Farrapos passou o Curitiba Rugby e assumiu o posto de melhor equipe brasileira após a temporada de 2018.

A equipe possui 553,1 pontos e é seguida pelos paulistas do Jacareí Rugby, detentores de 550,5 pontos. As duas equipes foram finalistas do Brasileiro de 2017 e ainda se enfrentaram na semifinal do nacional em 2018, vencida pelo Farrapos.

De acordo com o presidente do Farrapos Rugby Clube no biênio 2018/2019, Luis Francisco Flores, o Tito, ainda que fosse esperado o crescimento do clube após a sua fundação, o atual posto é surpreendente. “Sempre almejamos disputar o mais elevado nível de rugby brasileiro, mas não tínhamos ideia de que chegaríamos a esse patamar em breves 11 anos de história”, avaliou um dos fundadores do alviverde.

O time chega ao topo do ranking nacional com uma grande diferença perante aos outros sete melhores colocados: é o único que ainda não foi campeão nacional. Além dos dois primeiros colocados, fecham o grupo: Curitiba (dois títulos), Poli Rugby (título inédito em 2018), Desterro (três conquistas), São José (nove conquistas), Pasteur (duas taças) e SPAC (13 títulos).

Para Tito, o fato de não estar no seleto grupo de campeões Brasileiros é um fator que eleva o feito. “Apesar de ainda não termos conquistado o título, é a coroação de nossa visão de gestão do clube que busca a sustentabilidade em todos os aspectos, inclusive resultados”, adiciona o mandatário.

A perspectiva do clube é crescer ainda mais neste ano. O foco é conquistar o título nacional após dois anos de campanhas quase perfeitas e que “bateram na trave”. Porém, o trabalho de formação de atletas é uma das frentes de trabalho da atual gestão que comanda o Farrapos Rugby Clube. “É pensando na sustentabilidade de nosso elenco e resultados, que aprofundaremos o foco da alocação de recursos em nossas categorias de base (…). Tudo isso, é claro, sempre sendo fiéis aos nossos valores e procurando transmiti-los a todos os jovens que se juntam ao clube”, conclui Tito.

Temporada de 2019

Hoje, 26, a temporada 2019 inicia para o Farrapos. A equipe se reapresenta no Estádio da Montanha com 38 jogadores que compõem o elenco.

Nesta semana, a Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) divulgou detalhes do Campeonato Brasileiro de Rugby XV, que será disputado pela equipe de Bento Gonçalves.

Assim como no ano passado, o Farrapos integra o Grupo D do torneio. Fazem parte também o Desterro Rugby Clube (Florianópolis/SC), o Charrua Rugby Clube (Porto Alegre) e o Serra Gaúcha Rugby, promovido da segunda divisão (a Taça Tupi) na temporada passada.

A competição repete o formato de 2018 e conta com 16 equipes participantes, seguindo com a nomenclatura de Super 16. No ano passado, quem venceu o título nacional foi a Poli Rugby, de São Paulo/SP.

O Farrapos ainda não conseguiu erguer a taça de campeão brasileiro, porém há duas temporadas fica com o vice-campeonato nacional.

Sobre o autor

Lucas Delgado

Lucas Delgado

esporte@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário