Bairros

Escolas de Bento Gonçalves paralisam atividades nesta quarta-feira, 15

Suellen Krieger
Escrito por Suellen Krieger

Assim como em todo Rio Grande do Sul, diversas escolas estaduais de Bento Gonçalves não abriram as portas na manhã dessa quarta-feira, 15. O motivo da Grave Nacional da Educação é para mostrar insatisfação dos educadores com o bloqueio de 30% das verbas de universidades e institutos federais, anunciado pelo Ministério da Educação (MEC), contra a Reforma da Previdência e por melhores condições de trabalho.

Em Bento, de acordo com Diretora Geral do 12° Núcleo do Centro de Professores do Estado do Rio Grande do Sul (CPERS), Juçara de Fátima Borges, ao todo seis escolas estaduais aderiram, sendo que duas aderiram de forma parcial e quatro de forma total.

Escolas que paralisaram totalmente:

Escola Estadual General Bento Gonçalves da Silva

Colégio Estadual Dona Isabel

Escola Estadual de Ensino Fundamental José Farina

Escola Estadual Landell de Moura

Escolas que paralisaram de forma parcial:

Instituto Estadual de Educação Cecília Meireles

Escola Estadual de 1° Grau Incompleto General Amaro Bittencourt

 

Sobre o autor

Suellen Krieger

Suellen Krieger

Deixe um comentário