Antônio Frizzo

Economia?

Antônio Frizzo
Escrito por Antônio Frizzo

ECONOMIA?
É risível o que algumas câmaras de vereadores fazem. A notícia recente é a de que a câmara de Porto Alegre irá devolver QUINZE milhões de reais “economizados” este ano, para que a prefeitura possa utilizá-los (e os “nobres edis” pedem que se paguem salários em dia). A alegação é a de que a “câmara economizou” essa fortuna. Em nenhum momento eles dizem que “o duodécimo que recebem, obrigatoriamente, é muito elevado”. Na maioria das câmaras de vereadores os valores repassados pelas prefeituras, oriundos, obviamente, de nossos impostos, são em percentuais elevadíssimos. A lei, feita por deputados e senadores, que têm nos vereadores seus grandes cabos eleitorais, concede às câmaras percentuais sobre a arrecadação do município, bem acima do realmente necessário. Devolver, portanto, nada mais é do que o reconhecimento do “excesso”. Ou não? Aqui, em Bento Gonçalves, não é diferente.

FRAUDES NOS PEDÁGIOS?
Ora, ora, ora!!! “Descobriram” que podem ter ocorrido fraudes nas concessões de pedágios do Estado do Paraná. Mas, só agora, passados mais de VINTE ANOS? E aqui, no Rio Grande do Sul, foi tudo “dentro dos conformes”? Quando irão “descobrir” o porquê de os editais terem fixados o “valor mínimo das tarifas”, ao invés de definir “o melhor serviço, pelo menor preço”? Aliás, quando irão “descobrir” o porquê dos otários, digo, usuários de rodovias terem que pagar pedágios se SEMPRE foram construídas e mantidas SEM eles? Sim, a arrecadação em IPVA, multas, impostos sobre TUDO o que um veículo gera é bilionária. O que fazem com essa fortuna?

PESQUISAS
Os brasileiros estão sendo bombardeados por pesquisas constantemente. É pesquisa presidencial, para governador dos estados, senadores…um horror! E aqui entra o “interessante” delas: nas redes sociais, “jênios” recebem meras enquetes (pesquisa é outra coisa) ou, mesmo, inventam algumas e divulgam resultados como se estivessem descobrindo a roda. Pior de tudo é que encontram seguidores, compartilhadores delas, que até se dão ao luxo de tecerem comentários “abalizados” sobre essas enquetes. Já não bastam as oficiais? Não, para “eles”, os sem noção, não bastam! Elas são aceitas ou não de acordo com os “interésses” de quem as recebe ou interpreta. Se favoráveis aos seus “favoritos” ou “favorito”, tudo bem! Se não são, “foram compradas”. Que país é esse, afinal?

SUA MAJESTADE, O VINHO!
Desde quarta-feira, Bento Gonçalves é, além de “A Capital Brasileira do Vinho”, a “Capital Mundial do Vinho”. Dois grandes eventos atestam isso. No dia 26 aconteceu a abertura do “WINE SOUTH AMÉRICA – Feira Internacional do Vinho”, no Parque de Eventos. Promovida pela Milanez & Milaneze, subsidiária da italiana Veronafiere, que realiza a Vinitaly, a Wine South América, que tem seu encerramento hoje, sábado, contou com participação de 250 marcas expositoras de 10 países, na presença de 120 compradores e de 20 jornalistas de diversas partes do país e do Exterior. A presença do governo da Itália, com a presença do Ministro italiano da Agricultura e Turismo Gian Marco Centinaio atesta a importância do evento.

SUA MAJESTADE, O VINHO II!
Associação Brasileira de Enologia realiza neste sábado, 29, a Avaliação Nacional de Vinhos – Safra 2018, maior degustação de vinhos de uma safra do mundo. Este ano, 120 enólogos avaliaram às cegas 344 amostras de 49 vinícolas de seis estados brasileiros. O resultado, estabelecido a partir de um regulamento que segue normas internacionais, será anunciado neste grande evento, que reúne enólogos, sommeliers, diretores de vinícolas, lideranças do setor, importadores, jornalistas, enófilos do Brasil e do exterior.

O RESULTADO
O ritual se repete a cada ano. Uma a uma, as amostras são servidas e degustadas por todos ao mesmo tempo. Assim que cada amostra é degustada, é feito o comentário do vinho por um dos 16 comentaristas, que compartilha suas impressões. Somente depois de degustar as 16 amostras é anunciado o resultado dos 30% como as mais representativas e revelado as 16 amostras selecionadas da Safra 2018. Dois grandes acontecimentos que colocam Bento Gonçalves e o Brasil no cenário vinícola mundial, sem dúvidas. A Coluna cumprimenta a todos os responsáveis por estas realizações. Viva o Vinho!

ÚLTIMAS

Primeira:
No dia 4, quinta-feira, no Centro Empresarial de Bento Gonçalves, o Clube Esportivo estará comemorando 99 anos de existência. Na ocasião, as festividades do centenário serão dadas a conhecer;

Segunda:
Novo aumento no gás industrial. A justificativa dos “experts” da Petrobrás é o “preço internacional”. Sugestão aos “jênios” da Petrobrás: Por que não dolarizam a economia do Brasil?

Terceira:
Dirigente do PP nacional investigado por causa do Fundo Partidário. Mais um do PP? E os do PSDB e outros, quando serão? Depois de prescritos?

Quarta:
Do site www.espaçovital.com.br: “Liminares para soltar criminosos custavam de R$ 70 mil a R$ 500 mil”. “O magistrado Carlos Feitosa concedia habeas corpus em plantões judiciários mediante acerto prévio combinado no Facebook por seu filho, Fernando Feitosa, e um grupo de advogados”;

Quinta:
Segue a informação do site: “Trata-se de processo disciplinar que resultou na aplicação, pelo CNJ, no dia 18 deste mês, da pena de aposentadoria compulsória ao desembargador Carlos Rodrigues Feitosa”. Pois é, a “pena” aplicada a ele foi “aposentadoria”. Pobre Brasil e suas leis fajutas;

Sexta:
Esta semana fui questionado sobre o Lago Fasolo e a possibilidade dele estar recebendo esgotos. Será que isso acontece, mesmo? Alguém sabe?

Sétima:
A torcida do Inter está confiante no título brasileiro e com sobradas razões. Já o Grêmio, que dele participa com time reserva, vai tentar o Tetra da Libertadores. Quem conseguirá? Pois é, quem viver, verá!

Oitava:
Hoje, às 16 h, o time reserva enfrentará o Fluminense, no Rio de Janeiro. Amanhã, os titulares do Inter terão o Vitória pela frente, numa ótima oportunidade para vingar a eliminação na pré-Copa do Brasil.

Sobre o autor

Antônio Frizzo

Antônio Frizzo

Economista e colunista do Jornal Semanário há 40 anos.
antoniofrizzo@italnet.com.br
www.jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário