Segurança

Colisões em postes: uma das principais causas de falta de energia

Ranieri Moriggi
Escrito por Ranieri Moriggi

RGE e RGE Sul registram 4,5 mil casos em 2017

Dados levantados pela RGE e RGE Sul, distribuidoras do Grupo CPFL Energia, que atendem 2,7 milhões de clientes, em 373 municípios do Rio Grande do Sul, apontam que, somente em 2017, foram registrados 4,59 mil colisões de veículos que causaram interrupções no fornecimento de energia das duas distribuidoras. Na área de concessão da RGE, região Norte-nordeste do Estado, foram 2.636 colisões. Um montante 34,4% superior ao total de casos ocorridos na área de atendimento da RGE Sul, que abrange as regiões Metropolitana, Vales, Central e Fronteira Oeste. Neste ano, até abril, já foram 895 ocorrências na RGE e 658 na RGE Sul.

Caso o acidente seja em um poste de um circuito de média tensão, por exemplo, há milhares de clientes conectados nessa rede. Os acidentes de trânsito estão entre as principais causas de interrupção no fornecimento de energia elétrica. Quando se trata de colisão, a média é de três postes substituídos por dia, o que, além dos transtornos pela falta de luz, provoca gastos de aproximadamente R$ 12 mil diários, totalizando mais de R$ 4 milhões ao ano para cada uma das distribuidoras do Grupo CPFL.

Entre as cidades que mais contabilizam este tipo de ocorrência e que são atendidas pelas Companhias estão: Caxias do Sul, Passo Fundo, Gravataí, Bento Gonçalves; além de Canoas, Novo Hamburgo, Santa Maria, Santa Cruz do Sul e São Leopoldo.

“A quantidade de ocorrências de colisão com postes é um reflexo da alta imprudência nas vias. A intenção do Grupo CPFL é alertar a população, não somente para danos à rede elétrica, mas também à segurança da própria vida e a de terceiros”, ressalta o gerente de Saúde e Segurança da CPFL Energia, Marcos Victor Lopes. A RGE e a RGE Sul são empresas que apoiam o Maio Amarelo, em defesa de um trânsito mais seguro.

Sobre o autor

Ranieri Moriggi

Ranieri Moriggi

geral3@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário