Regional

Buracos na ERS-122, em Farroupilha, voltam a aparecer após a chuva do final de semana

Ranieri Moriggi
Escrito por Ranieri Moriggi

Os buracos que foram tapados durante ação emergencial do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), voltaram a aparecer após as constantes chuvas do final de semana. O trecho mais problemático, segundo o Grupo Rodoviário da Brigada Militar de Farroupilha, é na altura do quilômetro 61 da rodovia, nas imediações de uma sinaleira existente no trecho. Os pontos mais críticos afetam cerca de 500 metros do trecho.

De acordo com o comandante do Grupo Rodoviário, Marcelo Stassak, os motoristas precisam redobrar a atenção, principalmente no trecho que parte de São Vendelino. Ainda não há previsão de novos consertos na rodovia, uma vez que diversas obras e ações de manutenção em todo o Rio Grande do Sul paralisaram em função da falta de pagamento à empresa que fornece o material asfáltico.

O Grupo Rodoviário reforça ainda que os motoristas precisam estar atentos, de modo especial à noite, em um trecho urbano da Rota do Sol em Caxias do Sul, entre os quilômetros 74 e 79 da rodovia, totalizando cerca de seis quilômetros que também estão deteriorados. Neste local, que fica entre a Ponte Seca, sobre o Arroio Tega, e as proximidades da sede da Companhia de Desenvolvimento Urbano de Caxias (Codeca), os condutores devem redobrara a atenção.

Sobre o autor

Ranieri Moriggi

Ranieri Moriggi

geral3@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário