Cultura

Bento em Dança inicia neste sábado, 6 de outubro

Da Redação
Escrito por Da Redação

De 6 a 13 de outubro Bento Gonçalves ira respirar dança. Reconhecido como um dos principais festivais da área do país, o Bento em Dança chega a sua 26ª edição com a notoriedade de grandes nomes como Ana Botafogo e a bailarina do Corpo de Baile do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Liana Vasconcelos, que sobe ao palco com ‘A Morte do Cisne e Esmeralda’. Neste dia, a programação inicia às 18h no Pavilhão E do Parque de Eventos de Bento Gonçalves. Ingressos podem ser adquiridos no local por R$ 20.

Ana Botafogo dividirá o palco com diversas escolas no primeiro dia do concurso. Ballet Clássico de Repertório, Neoclássico e Clássico Livre e Técnicas Contemporâneas de Dança são os gêneros desta primeira fase (6 a 9 de outubro). A Fase B, de 10 a 12 de outubro, contemplará Danças Urbanas, Sapateado e Jazz.

Neste ano, a edição terá nomes como Alex Neoral, André Rockmaster, Bárbara Rey, Cícero Gomes, Cláudia Zaccari, Edson Santos, Gustavo Côrtes, Luiz Fernando Bongiovanni, Moacir Corrêa, Monique Paes e Teresa Augusta, que terão dupla jornada, ministrando aulas durante o dia (confira a grade oficinas abaixo) e avaliando as coreografias à noite, durante o concurso.

O Bento em Dança, em parceria com escolas e festivais, também irá conceder bolsas de estudo para o Festival Passo de Arte, realizado de 6 a 15 de julho de 2019 em Indaiatuba (SP), além da isenção da taxa de inscrição, classificação direta para a final internacional do Festival e bolsas integrais e parciais para o Move, curso internacional de verão 2019.

Na Itália, serão conferidas bolsas de estudo para os cursos de verão da Opus Ballet, em Florença, e para o Ateneo Della Danza. Em Portugal, a concessão será para isenção da inscrição para o Festival Dançarte, em Algarve. Já nos Estados Unidos, a bolsa será para o curso intensivo de férias em julho do próximo ano na Northwest Dance, em Seattle.

Em 25 edições, o evento já reuniu mais de 150 mil bailarinos de mais de 20 países, contribuindo para a promoção da dança como expressão artística, além de estimular a integração de povos e culturas. Somente em 2017, foram 627 coreografias, 18 oficinas e aproximadamente 6 mil bailarinos. Foram cerca de 50 horas de apresentações em oito noites de espetáculos, todas abertas ao público com ingresso a preço popular.

Programação

FASE A – 6 a 9 de outubro – Clássico e Contemporâneo

FASE B – 9 a 12 de outubro – Danças Urbanas, Populares (folclore, a caráter, étnicas e dança de salão), Sapateado, Jazz e Estilo Livre.

PROGRAMAÇÃO CONCURSO – Gêneros de cada noite

Dia 6 (18h) – Ballet Clássico de Repertório, Neoclássico e Clássico Livre e Técnicas Contemporâneas de Dança

Dias 7 e 8 (19h) – Ballet Clássico de Repertório, Neoclássico e Clássico Livre e Técnicas Contemporâneas de Dança

Dia 9 (19h) – Jazz, Neoclássico e Clássico Livre e Técnicas Contemporâneas de Dança

Dia 10 (16h) – Mostra Aberta – Via Del Vino, abertura da Feira do Livro

(19h) – Danças Populares, Estilo Livre, Jazz,

Dia 11 (19h) – Danças Populares, Estilo Livre, Jazz,

Dia 12 (14h) Batalhas de Hip Hop (entrada gratuita)

(19h) – Danças Populares, Estilo Livre, Sapateado, Danças Urbanas

Dia 13 (19h) – Gala de Encerramento com apresentação dos premiados de 2018

Fonte: Assessoria de Comunicação Social
Fotos: Divulgação/Bento em Dança/Créditos das fotos: Solange Avelino

Sobre o autor

Da Redação

Da Redação

redacao@jornalsemanario.com.br

Deixe um comentário